Outro verso de Gaião

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

Para andar de feira em feira
Levando mercadorias,
O que fazia em três dias
Gasto uma semana inteira.
Pois naquela buraqueira
O meu velho caminhão,
Vai feito um carro de mão,
Porque senão se arrebenta...
“Não tem quem puxe sessenta
Nas estradas do sertão”.
Ismael Gaião

0 comentários:

Postar um comentário

 
 
 
 
Template modificado por WMF-Mídia Design | (87) 9918-2640 / 9620-2552