E Gonga voltou de Recife

terça-feira, 5 de abril de 2011

Acabo de falar com o poeta Dedé Monteiro e ele me deu as melhores notícias sobre o lançamento do livro Vida & Versos, de seu mano Gonga, sábado passado, em Recife. Disse que tinha gente que só abelha em banca de cocada e verso que só mosquito em beira de pinico. E ainda teve violão, sanfona e outros bichos sonantes e cantantes. "Do jeito que Gonga merece", disse Dedé. E eu repito: "Do jeito que Gonga merece."
O fotógrafo Cláudio Gomes deu uma passada  por lá e mandou algumas fotos pra gente sentir o gosto do que perdeu:
Poeta Gonga poetando um ofertório.

A chegaça. Da esquerda pra direita, com as mãos nos quarto, Felipe Júnior, Dedé Monteiro e Antonio Lisboa, parecendo três chaleiras.

Dedé Monteiro, Marcos Passos, Gonga Monteiro, Genildo Santana e um pano de chita bordada em flor: é poesia demais, poeta!
.

1 comentários:

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, pois num é verdade mesmo! Tres chaleiras na sequência: / Júnior, Dedé e Lisboa.

Um abraço, Alexandre, e parabéns por este espaço.

Postar um comentário

 
 
 
 
Template modificado por WMF-Mídia Design | (87) 9918-2640 / 9620-2552