Glosando com Pepita Lins

domingo, 3 de junho de 2012


O relógio do tempo do amor
Deveria atrasar de vez em quando

(Mote: Alexandre Morais) 

Me atrasei percebendo que já era
Que esse sonho não é mais o que queria
O que fez dessa vez foi covardia
E a lembrança só mais me desespera
Se me ligas dizendo que me espera,
Eu não sei dizer não pois tô te amando
Todo tempo é tempo e tá passando
Pra lembrar que sem ti só sinto dor
O relógio do tempo do amor
Deveria atrasar de vez em quando

(Pepita Lins)


Sei que o tempo só anda para frente
E o relógio é quem marca esse andar
Mas nem tudo que passa é pra passar
Por exemplo, um amor que marca a gente
Os ponteiros da hora do presente
Do futuro, se vão se aproximando
É porque o passado está chegando
E o amor quando passa deixa dor
O relógio do tempo do amor
Deveria atrasar de vez em quando

(Alexandre Morais)



O que eu devo fazer pra ser feliz
Se até hoje o que faço não me faz
(Mote: Elenilda Amaral)

Já tentei, fiz de tudo e nada feito
Nada faz eu sentir mais uma vez
A emoção e o carinho que me fez
Não senti nada igual daquele jeito
Você fez um furdunço no meu peito
E parece, nunca mais vou ser capaz
De amar outro alguém que traga a paz
Ninguem vai te fazer mais o que fiz.
O que eu devo fazer pra ser feliz
Se até hoje o que faço não me faz
(Pepita Lins)


Com o peso de quem já bem viveu
Bem depois de já muito ter amado
Bem depois de já muito ter se dado
Inda faço perguntas ao meu eu
A tristeza, porque me escolheu?
A saudade porque me rouba a paz?
Toda noite uma angústia nova traz
E não leva do mal nem um só triz
O que eu devo fazer pra ser feliz
Se o que eu faço até hoje não me faz
(Alexandre Morais)


0 comentários:

Postar um comentário

 
 
 
 
Template modificado por WMF-Mídia Design | (87) 9918-2640 / 9620-2552