Firmino e os cupinhos

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Firmino tambem passou uns dias em São Paulo. Aí deu no que deu, né! Chegou chamando cupim de cupinho. Chegou no bar de Arnô e foi logo se esticando nos esses:
- Nossa, os cupinhos invadiram nossa residência. São milhares, não sei o que eu faço, aê!
Bastim tava jogando sinuca e fez que nem ouviu.
Diante do silêncio, Firmino avançou:
- E aí, Bastinho, na sua residência já teve cupinhos?
E Bastim, descansando o taco na ponta do chinelo e com o cigarro no canto da boca:
- Já.
E Firmino:
- O que é que cê fez?
E Bastim:
- Botei desinfetante.
- Nossa, e eles faleceram? perguntou Firmino, pra ouvir o desfecho de Bastim:
- Não, mas ficaram limpo e cheiroso.

< Alexandre Morais >

0 comentários:

Postar um comentário

 
 
 
 
Template modificado por WMF-Mídia Design | (87) 9918-2640 / 9620-2552