O cachorro e os ovos

terça-feira, 29 de outubro de 2013

     Aí lá vem Bastim com as conversas dele! Disse que todo dia quando a cumade ia pegar os ovos no ninho das galinhas, tavam os ovos quebrados. Botou o marido pra descobrir o que tava acontecendo e eis que o dito chega espantado:
      - Muié, tu num acredita! Muié, eu num te conto! Muié, eu tô besta!
      - Home, conta logo, que besta tu já era!
      - Muié, é o cachorro que tá bebendo os ovo!
      - Apois resova! Dê logo fim a esse infeliz.
      Aí o marido aperreou-se. Gostava demais do cachorro e dá fim, num dava não.
      Resolveu dá um ensinamento no puguento: botou um ovo pra cozinhar e quando o bicho tava quente que só ovo quente, botou na boca de Jupi (era o nome do cachorro) e segurou com as duas mãos. O bicho correu água dos ói e saiu granindo, correndo sem destino até se perder no mato. 
      Passou uma semana sem pisar no terreiro.
      O marido aperreou-se mais ainda:
      - Perdi meu cachorro de todo jeito. Ôh peste!
     E num é que os ovos continuaram sendo quebrado! 
  Repetiu-se a história, a cumade botou o marido pra descobrir o que tava acontecendo.
      Pois acredite, era Jupi, sim senhor.
      Só que agora antes de quebrar, o canino passava uns dez minutos assoprando os ovos.

0 comentários:

Postar um comentário

 
 
 
 
Template modificado por WMF-Mídia Design | (87) 9918-2640 / 9620-2552